terça-feira, 13 de setembro de 2011

Desculpe, foi engano!

No dia em que fomos ao zoo de Santo Inácio, estavamos sossegados na fila à espera da fotografia (not!) com o Pocoyo e há um menino da idade do João que se agarra às minhas pernas. Da maneira como o fazia percebi que ele achava que eu era a mãe dele. Ela também estava de calças de ganga claras e tinha-se ausentado por uns instantes deixando-o com a tia e os primos. Achei um piadão à confusão do míudo, fiz-lhe duas festas na cabeça, mas a tia nem se apercebeu. E ele lá continuou agarrado a mim.
O João achou piada ao míudo agarrado à minha perna e resolveu fazer o mesmo na outra perna. O míudo ficou cheio de cíumes (lá está, pensou que eu era a mãe dele) e tentou afastá-lo. Como não conseguiu, o míudo deu-lhe um valente encontrão que o deitou de cabeça ao chão. O João chorava que nem um desalmado. O míudo idem, mas menos intensamente. Eu só me ria com o caricato da situação. A tia sem perceber nada do que se tinha passado, um bocado aflita com o que o míudo pudesse ter feito ao nosso. Parecia mesmo uma cena de um filme cómico.

1 comentário:

Sandra e Amaro disse...

:D Linda isso é um sinal de que tens que treinar, lol...

Bjs grandes e fica bem