terça-feira, 16 de março de 2010

Será que vem aí molho? (ou post mal cheiroso)

Ontem fui recebida no infantário com um: "Mãe, ele hoje fez um cocó muito grande e muito mole... os meninos andam todos doentinhos da barriga, anda para aí um bicharoco." Ora bolas, pensei eu.

Depois vomitou grande parte da papa do lanche. Jantou uma sopa só com batata, cenoura, frango e um bocadinho de arroz e não teve mais nenhum sintoma. Adormeceu a fazer a nebulização e tomou o último biberão já a dormir. Pensei que nos tinhamos safado do bicharoco.

A meio da noite, como que por milagre, o N. acorda e vai ver o João. Estava a dormir pacificamente numa poça de vomitado de sopa. Coitadinho do meu pequenino. Mudei a cama, mudei-o a ele, mas ele só queria era dormir. Mal abriu os olhos. Aproveitei para fazer mais uma nebulização para ajudar na tosse e dormiu sossegado até de manhã.

De manhã estava bem, sem sintoma nenhum. Fecre nada (nem ontem, nem hoje). Tomou o leite todo e pelo menos até o deixar no infantário não vomitou mais. Não tem febre e está muito bem disposto. Será que é coincidência ou é mesmo o bicharoco que anda lá por dentro a fazer das suas?


PS: Caso a coisa piore, alguma sugestão de como eu posso hidratar um bebé de quase 8 meses que odeia água e não acha piada nenhuma aos chás para bebés? Tenho tanto receio das diarreias e dos vomitados precisamente por causa da facilidade com que um bebé desidrata e da dificuldade em dar-lhe algo que o possa rehidratar...

Sem comentários: